Japan Airlines suspende voos entre Tokyo e Paris depois dos ataques terroristas

Os voos entre Tokyo e Paris estao suspenso até o dia 15 de março.

Depois dos ataques terroristaas em Paris no dia 13 de novembro, A Japan Airlines viu a taxa de ocupação das suas aeronaves diminuir em cerca de 40%, cerca de metade do seu sua taxa de ocupaçao de 80%

Consequentemente, a JAL decidiu no dia 15 dezembro suspender a sua ligação entre Paris e Tokyo-Narita Airport. Esta medida foi prorrogada até 15 de Março.

Desde os trágicos acontecimentos de novembro, nós vimos o cancelamento de quase 28.000 estadias“, destacou recentemente Jungo Kikuma, vice-presidente da Associação Japonesa de Agentes de Viagens (Jata). E mesmo que o inverno é um período de baixa frequência, a temporada turística de abril não aparece ser boa também.

Enquanto isso, apenas os voos Paris-Haneda (segunda aeroporto de Tóquio) são mantidas apesar de uma taxa de ocupação também para baixo (60% em média).

 

Um déficit para a indústria hoteleira, comércio, locais turísticos.

Este anúncio JAL é, obviamente, um verdadeiro golpe para o turismo. De acordo com o estudo mais recente pela Direcção-Geral da Empresa (DGE), a França recebeu 800.000 visitantes japoneses em 2014. Dos 398,2 milhões de dormidas em alojamento comercial reservadas pelos postos de turismo do hexágono, 4,3 milhões foram reservados por um cliente japonês. Uma figura aumentou ligeiramente entre 2013 e 2014, confirmando um crescimento quase constante.

Mais amplamente, o impacto dos ataques ainda é muito presente. Segundo a empresa de pesquisa MKG Hospitality, o déficit em termos de vendas para o sector hoteleiro na França poderia ser da ordem de € 270.000.000 entre novembro e março de 2016, o equivalente dos valores anuais hotéis globais. Hotéis parisienses só seriam responsáveis ​​por 146 milhões de euros em perdas. Perdas para empresas comerciais ou locais turísticos, como a Torre Eiffel, também não deve ser insignificante. Segundo o site Viagens Turismo, especialista japonês viagens ao exterior, a França está no top 5 dos melhores destinos de compras do mundo, com Singapura, Hong Kong, Havaí e no Reino Unido.

Além disso, os japoneses, os turistas americanos e chineses também evitam a capital. Reservas para Paris até abril, de acordo ForwadKeys empresa teria “atrasado 17%” em comparação com o mesmo período de 2015. Desde os EUA, as novas encomendas caíram 7 4% e 13% da China, enquanto o período de Ano Novo chinês é tradicionalmente propício ao turismo.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s